Blima Bracher

Vem aí: Festa da Primavera em Santo Antônio do Leite

Uma celebração em torno da arte, cultura e pela preservação do meio ambiente. Esse é o mote que desde a década de 1980 acompanha os entusiastas da Festa da Primavera, no pacato distrito de Santo Antônio do Leite, em Ouro Preto (MG). Mais uma vez, o encontro será na Praça do Cruzeiro, no bairro Chapada, berço do evento.

A programação, que está sendo definida, será totalmente gratuita, com troca e distribuição de mudas; atrações culturais para todas as idades, com shows musicais e apresentações cênicas; atividades infantis e de promoção do bem-estar. Além disso, haverá barraquinhas com várias delícias afetivas da gastronomia local.

SOBRE A FESTA

A Festa da Primavera de Santo Antônio do Leite teve início no final da década de 1980 por um grupo de moradores artesãos do distrito, com o intuito de celebrar a chegada da estação e reflorestar o bairro Chapada, antigo local de pastos e fazendas do lugar. Com a campanha “Adote uma árvore!”, a festa foi possível e deixou o legado de um bairro arborizado e fresco, com uma charmosa praça com a antiga capela de Nossa Senhora da Piedade, conhecida por Alto do Cruzeiro. Na maioria de suas edições, a Festa aconteceu nessa praça, por possuir amplo espaço, paisagem natural e por manter a tradição do evento.

O projeto, desde o seu surgimento, tem como principais objetivos desenvolver a cultura local, possibilitar o acesso da comunidade a diferentes áreas artísticas culturais, e propor ações de conscientização, preservação e recuperação ambiental.

Ao longo dos anos, realizou ações de reflorestamento das nascentes e áreas urbanizadas do distrito; promoveu a instalação de lixeiras personalizadas nas ruas; deu início a projetos de preservação de córregos locais, em conjunto com coletivos, em parceria com o projeto Manuelzão; além da realização de palestras e oficinas de conscientização e capacitação ambiental.

Em sua programação cultural, contou com grandes nomes do circo e do teatro, como o Grupo Galpão, Trampulim, Giramundo e Berimbrown. E bandas e artistas musicais, atualmente reconhecidos, como o Frito na Hora, Tambor Mineiro, Projeto Saravá, Sérgio Pererê, bloco Pena de Pavão de Krishna, dentre outros.

Em suas últimas edições, trouxe artistas da região de Ouro Preto e de outras partes do estado, incentivando e valorizando a arte local e mineira e dando espaço para novos artistas. Em 2022, o grupo Pássaro Vivo de Patos de Minas foi sua atração principal e trouxe públicos de Belo Horizonte, Ouro Preto e turistas de outros estados e países. Estima-se um público de 3.000 pessoas em três dias de festa, realizada em outubro de 2022.

A Festa sempre foi realizada de forma colaborativa, envolvendo a comunidade, e com apoio de empresários, moradores e órgãos locais, como a Secretaria Municipal de Cultura e Fundação de Arte de Ouro Preto (FAOP).

SANTO ANTÔNIO DO LEITE

Essa pequena localidade é carinhosamente chamada de “Leite” por seus habitantes e visitantes mais assíduos. Santo Antônio do Leite é um distrito de Ouro Preto (MG), que fica a 83 quilômetros de Belo Horizonte. O distrito surgiu no início do século XVIII, com fazendas de produção leiteira e agricultura, e já foi um dos maiores produtores de bananas do Brasil. No final do século XX, após se tornar um distrito autônomo, artesãos, turistas e estrangeiros habitaram o distrito. Atualmente é conhecido pelo seu artesanato em prata, pedra, cerâmica e outros. Também possui divesidade de produtos artesanais, como queijo, mel, café, cachaça, doces, geleias, compotas e cervejas artesanais. Para o turista, o distrito oferece história, atrativos naturais como mirantes, cachoeiras, rios e lagoas, e uma ampla estrutura de hotéis, pousadas e casas de temporada que convidam ao relaxamento e ao lazer.
Anota aí:

Festa da Primavera de Santo Antônio do Leite

13 de outubro, sexta-feira: 18h às 01h

14 de outubro, sábado: 11h às 01h

15 de outubro, domingo: 11h às 20h

Praça do Cruzeiro – Chapada, Santo Antônio do Leite

Gratuito

Como chegar:

Acesso pela BR 356, de Belo Horizonte (83km), Ouro Preto (30km), BR 040 (50 km).

Ônibus: BH – Pássaro Verde: https://passaroverde.com.br/

Ouro Preto – Rota Real: https://consorciorotareal.com.br/

Apps: 99, PamPam, Oper Drive, 2V, Ubiz Car

Texto: Divulgação FAOP / Imagem : Tico Soador

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments