Blima Bracher

Jovens de Ouro 2.0 de Santa Rita: primeira formação cidadã

Os selecionados do Programa Jovens de Ouro 2.0 de Santa Rita receberam a primeira formação cidadã na quinta-feira, 17 de novembro, no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do distrito.

A formação cidadã visa ampliar o leque de conhecimentos desses jovens, principalmente no que se refere aos direitos e deveres, ao pertencimento à sua região, inteligência emocional e outras questões relacionadas ao mercado como trabalho em equipe, preparação para entrevistas e a elaboração de um currículo.

A assistente social Izabella Rocha e a pedagoga Josiane Jerônimo consideram a experiência gratificante pois possibilita a construção de vínculos. Elas afirmam que tem sido muito positivo conhecer os anseios e sonhos desses jovens e a essência do trabalho é criar uma ponte para um futuro melhor para eles.

A jovem Lívia Andrade, que participa do programa em Santa Rita, elogiou a iniciativa: “Eu simplesmente amei, foi incrível e necessário, agradeço à equipe do programa e à Prefeitura de Ouro Preto”.

Sara Cristina Gonçalves Jerônimo, mais uma jovem contemplada pelo Jovens de Ouro 2.0, esteve na Escola Municipal Monsenhor Rafael, em Miguel Burnier e destacou: “O jovem gosta de falar e quer ser ouvido, eu gostei, pois conversamos sobre tudo”, disse ela.

O Programa Jovens de Ouro 2.0 vai percorrer todos os distritos do Município. O primeiro local visitado foi Antônio Pereira, seguido de Miguel Burnier e Motta, e posteriormente em Rodrigo Silva, Bocaina, e agora, Santa Rita.

Texto: Juliana Rodrigues | Revisão: Victor Stutz. Foto Divulgação

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments