Blima Bracher

Agenda completa do Tudo é jazz em Ouro Preto

Tudo é Jazz, dos maiores festivais de música do mundo, em Ouro Preto

Tudo é Jazz 2022, que acontece entre os dias 31 de julho e 7 de agosto em Ouro Preto, mescla talentos  locais e nacionais e internacionais. Entre eles estão a cantora  Ana Cañas e a cantora e compositora, Madeleine Peyroux  que começou a carreira aos 15 anos, quando se apresentava pelas ruas de Paris. Aos 16 passou a integrar o grupo The Lost Wandering Blues and Jazz Band, com o qual fez turnê pela Europa.  Além de compor jazz tradicional, Madeleine Peyroux se destacou como cantora por possuir timbre semelhante ao de Billie Holiday.
Outra atração estrangeira é o maestro pianista Hugo Fattoruso que se apresentará com o Quinteto Barrio Sur, todos  do Uruguai. O que o público pode esperar é de um repertório  que mescla o jazz com a música latina.
Com curadoria de Túlio Mourão, o Festival Tudo é Jazz é itinerante. Neste ano, o já circulou por diversas cidades mineiras, e a última a receber a edição foi a capital, Belo Horizonte. Em Ouro Preto serão montadas estruturas  em diversos pontos da cidade, como no Largo do Rosário e Praça Tiradentes. Haverá também apresentações fechadas no O Pazzo Pizza Jazz e intervenções de outras artes.

Nesta edição o Tudo É jazz está se comemorando 20 anos de produção desse que está na lista dos 10 melhores festivais da Down Beat. Idealizado por Maria Alice, a saudosa Biiça Martins

Pouco antes da pandemia, Biiça me ligou e me apresentou o espetacular projeto que tinha em em cinco pranchas,  para 2020.  Ao site Mais Minas disse: “Meu projeto foi um sonho, este sonho teve um limite para se tornar real, realizei-o dentro do possível, com muito trabalho e eficiência, fiz o melhor do que me foi permitido. Obrigada a todos que me permitiram fazer o melhor.” Seu legado continua. Viva Biiça!!!

Confira a programação completa:   -31 de julho | Domingo

17h – Show: Samba Preto Choro Jazz
Local: Casa de Gonzaga Rua Claudio Manuel, 61                                      – 18h30 – Palestra com Ronaldo Fraga: Conexão sobre o Conceito da música projetada na moda e artesanato
Local: Auditório Casa de Gonzaga, rua Claudio Manuel, 61

19h30. Show – Vagner Faria
Local: Casa de Gonzaga, rua Claudio Manuel, 16h

4 de agosto | Quinta-feira

19h – Abertura da Exposição Tudo é Jazz 20 anos, com fotografias de Eduardo Trópia e curadoria de Guilherme Horta. De 4 a 21 de agosto.
Local: Casa dos Contos, R. São José 12, Centro
19h30 – Show: Aureo Lopes G Quarteto.
Local: O Passo Pizza Jazz – R. São José 56, Centro

21h – Sophisticated Lady Um Tributo a Ella Fitzgerald, por Chon e Renato Saldanha.
Local: O Passo Pizza Jazz – R. São José 56, Centro                                                                                                       

5 de agosto/ Sexta-feira                    19h – Túlio Araujo
Local: Praça Tiradentes

20h30 – Mauro Senise e Cristovão Bastos

22h – Tributo a Frank Sinatra com Orquestra Jazz Big Band e convidados: Wilson Sideral e Carla Sceno
Local: Praça Tiradentes

23h30 – Madeleine Peyroux (USA)
Local: Praça Tiradentes

6 de agosto | Sábado

10h – Masterclass: Mauro Senise e Cristovão Bastos
Local: Casa de Gonzaga – R. Claudio Manuel 61, Centro

11h – Barroco Jazz: Cortejo musical da Praça Tiradentes até a lgreja de São Francisco de Assis.
Local: Praça Tiradentes

20h – Gabriel CGrossi Quarteto

21h30h – Hugo Fattoruso e Quinteto Barrio Sur (Uruguai)

23h – Ana Cañas

Local: Praça Tiradentes

15h – Camila Rocha Quarteto
Local: Largo do Rosário

16h – Felipe Continentino Trio
Local: Largo do Rosário

17h30h – Thiago Espírito Santo e Sandro Haick
Local: Largo do Rosário

7 de agosto | Domingo

10h – Cortejo musical: Fanfarra Desembargador Horácio Andrade Largo do Cinema
Local: Saindo da

13h – Bloco Magnólia: Cortejo musical do Largo do Cinema até o Largo do Rosário
Local: Largo do Rosário

14h – Show com Bloco Magnólia
Local: Largo do Rosário

15h30 – Happy Feet Jazz Bandb                  Com Blima Bracher  #blimabracher   http://@blimabracher

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Anitta Dhias

5 de agosto/ Sexta-feira 2022
Tributo a Frank Sinatra com Orquestra Jazz Big Band e convidados
Strangers in the night e My way cantada por um roqueiro…
Night and day e Fly me to the moon cantada por uma sambista…
Foi aquém da ocasião quando o negócio era Swing ou Adulto Contemporâneo. Carla e Wilson são bons profissionais, mas na área deles. Como convidados deveria ser o mínimo de músicas no stage. Quem deu brilho mesmo foi o crooner Pedro Stefani que é o expert da área. Por favor não levem minha critica pelo caminho do mal. Acho que assim podemos melhorar o nível de shows no nosso sofrido país.

Joacquim Schleweis Costa

O fato é mundialmente conhecido que Sinatra faleceu há 25 anos, por outro lado a partir das canções New York , Strangers in The Nigh, My Way, Let me try again, Nigh and Day ele é morto novamente de modo cruel. Na abertura tivemos Saturday Nigh/ You make me feel so young muito bem executada nas “mãos” caprichosas do sr. Stefani. Depois dessa bela cena o que veio foi horrível no tocante ao tema sugerido. Revive aos logo depois graças ao sr. Stefani Pedro que está ao lado suportando magnanimamente, tentando levar o show para um nível mais elevado. Em vão, quase no final o ataque é refeito em dose dupla. Golpe fatal no idioma; oscilação na afinação; timbre equivocado e postura negligente. “MaaaaUei” em terça harmônica. Retorna o anjo justiceiro, que além de nome de santo, reverteu e interveio para a salvação . Os patrocinadores despejam milhares de fundos para garantir bons shows e apresentações inesquecíveis. Pelos céus, não cometam mais essa blasfêmia musical. Há muito espaço para todos. Os cantores que citei acima, acredito serem boas em sua searas adequadas. Creiam, é impossível encrustar diamante de volta à pedra. Que as criticas sirvam de exemplo e lição. Cordialmente. Data do show 07/08/2022