Blima Bracher

Vem aí Festival Conexão Ouro Preto

Após mais de 10 anos, Ouro Preto volta a receber recursos para investir no intercâmbio cultural, dessa vez para promover a imersão no universo do idioma francês por meio da realização do Festival Conexão Ouro Preto. Os investimentos totalizam cerca de 50 mil reais e são realizados por organismos multilaterais: Associação Internacional de Prefeitos Francófonos; Valônia-Bruxelas Internacional e do Serviço Cultural da Embaixada da França em Minas Gerais.

  • O Município de Ouro Preto é o único do Brasil a fazer parte da Associação Internacional de Prefeitos Francófonos, ou seja, prefeitos que falam e são promotores da cultura e língua francesa. Angelo Oswaldo, que participa da Organização a convite da prefeita de Paris, pontua que esse é o primeiro de uma sequência de investimentos que devem ser recebidos pelo Município ao longo dos próximos meses.

Zaqueu Astoni, Chefe de Gabinete, destaca que o orçamento público não comporta sozinho todos os investimentos necessários, sendo a captação de recursos em fundos internacionais uma estratégica adotada pelo Município, razão pela qual a cidade busca estreitar relacionamento com embaixadas e consulados. Além disso, Zaqueu destaca que essa aproximação proporciona a divulgação internacional de Ouro Preto enquanto destino turístico.

O Festival Conexão Ouro Preto é realizado em parceria com Aliança Francesa de Ouro Preto. A diretora da escola, Raissa Palma, pontua que um evento como o Festival em celebração a língua francesa agrega muito para os moradores, estudantes e turistas que frequentam nossa cidade, pois estimula o contato mais próximo com o francês, que é um dos 5 idiomas mais falados no mundo. Raissa complementa que o aprendizado da língua francesa possibilita intercâmbio acadêmico ou de trabalho nos mais de 50 países que têm o idioma como língua materna ou oficial.

Conexão Ouro Preto: a língua francesa em destaque nas ladeiras de Ouro Preto

No próximo dia 24 de março, a Prefeitura de Ouro Preto, em parceria com a Aliança Francesa, realizará o Festival Conexão Ouro Preto. A primeira edição do evento será realizada na Museu Boulieu e terá atrações internacionais, em homenagem a integração da cultura brasileira e a cultura do idioma francês. Ao longo do evento, o público poderá imergir na história, música e gastronomia francesa – claro, com o toque legitimamente brasileiro.

A partir das 18 horas do dia 24, o público terá oportunidade de apreciar a apresentação da cantora e compositora Laís Lacôrte, ganhadora do 13º Festival Nacional da Canção Francesa; do folk orgânico e blues poético de Ivan Tirtiaux (Bélgica, que apresenta a simbiose entre universo atemporal de Georges Brassens, o lirismo folk de Leonard Cohen com também uma forte influência da cultura brasileira e dos seus grandes mestres, tais como Chico Buarque, Caetano Veloso, João Bosco e Milton Nascimento; e do grupo African Beat (Senegal), com uma percussão forte e envolvente, marcada pela pulsação forte dos tambores, de forma melódica e harmoniosa, o grupo mostrará a riqueza da musicografia africana, com ritmos tribais que deram origem ao blues, jazz, pop, numa viagem por diversos países da África, especialmente o Senegal. Além de alimentar a alma, o público pode experimentar as delicias típicas da culinária francesa na praça de alimentação do evento.

O Festival contará com um evento de Lançamento, no dia 23, a partir das 18 horas: o prefeito francófono Angelo Oswaldo, vai falar ao público sobre a relação e influência da história da França e da Francofonia em Ouro Preto. Em seguida, haverá uma visita guiada ao Museu Boulieu.

Texto: Názia Pereira e Mateus Guimarães / Revisão: Victor Stutz 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments