Blima Bracher

Solidariedade que salva vidas

Doação de sangue

Oito a 12 minutos é o tempo gasto para que uma única doação de sangue seja capaz de salvar quatro vidas. O sangue doado é utilizado no tratamento de pessoas com doenças hematológicas variadas, como doença falciforme e talassemia, além de doenças crônicas, como câncer, cirurgias eletivas de grande porte, transplantes e para a situação de urgências, emergências e calamidades.

Desde o início da pandemia, houve queda de aproximadamente 30% na doação de sangue em Minas Gerais. O tipo sanguíneo O, mais utilizado nas unidades hospitalares, compatível com todos os outros encontra-se em estado crítico.

As doações são feitas em Belo Horizonte, no Hemominas, Hemoservice e na Vita Hemoterapia. A Prefeitura de Ouro Preto oferece mensalmente o transporte para aqueles que desejam ser doadores. Para mais informações e agendamento, entre em contato com o grupo Amigos do Sangue, pelo número (31) 99537-1961.

Requisitos básicos para a doação de sangue:

Ter idade entre 16 e 69 anos;
Pesar no mínimo 50 kg;
Estar alimentado e evitar alimentos gordurosos antes da doação;
Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;
Apresentar documento de identificação com foto emitido pelo órgão oficial;

Impedimentos temporários para a doação de sangue:

Gripe, resfriado e febre: aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas;
Período gestacional;
Período pós-gravidez: 90 dias para parto normal e 180 dias para cesariana;
Amamentação: até 12 meses após o parto;
Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
Tatuagem e/ou sangue nos últimos 12 meses (piercing em cavidade oral ou região genital impedem a doação);
Extração dentária: 72 horas
Apendicite, hérnia, amigdalectomia, varizes: 3 meses;
Transfusão de sangue: 1 ano;
As pessoas que tiveram Covid devem aguardar 15 dias após a melhora dos sintomas para a doação;
Para as pessoas que receberam dose da vacina, é necessário aguardar 48 horas para quem se vacinou com a Coronavac e 7 dias para Astrazeneca e Pfizer.

Impedimentos definitivos para a doação de sangue:
Ter passado por um quadro de hepatite após os 11 anos de idade;
Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças transmissíveis pelo sangue: hepatite B e C, Aids (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I E II e doença de chagas;
Uso de drogas ilícitas injetáveis;
Malária;

Doe sangue, salve vidas.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments