Blima Bracher

Ouro Preto adere a consórcio nacional para compra de vacinas

Ouro Preto mais próxima das vacinas

A secretaria de Saúde de Ouro Preto apresentou à Câmara o Projeto de Lei Ordinária nº 285/2021 que trata sobre a adesão do Município no Consórcio Público de cidades para intenção de compra de vacinas, insumos e equipamentos para combate da COVID-19. O PLO foi aprovado por unanimidade e mostra um trabalho conjunto entre Executivo e Legislativo em prol da cidade. Segundo a secretária de Saúde, Glauciane do Nascimento, o consórcio é uma saída pública e legal que os municípios encontraram para adquirir as vacinas. “Ele baliza algumas questões, como a distribuição proporcional dessas vacinas e baliza o preço, evitando que municípios maiores ou menores paguem preços diferenciados por conta do montante de vacinas. Então, observando essa movimentação, nós sinalizamos para o consórcio a intenção de participar e agora, com o Projeto de Lei aprovado, o próximo passo será a assembleia do dia 22 de março, com todas as cidades, para definir as próximas ações”. Felipe Guerra, secretário de Governo, parabenizou a Câmara Municipal pela agilidade no processo de votação do Projeto, que teve unanimidade de aceitação. “O consórcio é muito importante, pois são vários municípios trabalhando de forma conjunta. Hoje, a população anseia e espera muito pela vacinação que é melhor maneira da gente conseguir superar essa crise na saúde, dar segurança e tranquilidade aos ouro-pretanos”. Guerra também ressalta a importância da união da Prefeitura e Câmara. “ Talvez o projeto mais importante do ano e vamos com essa parceria com o legislativo e executivo. É necessário não se ter oposição ou situação e sim, todos em prol da cidade, da saúde, em primeiro lugar . Foto: Ane Souz

REUNIÃO ENTRE EXECUTIVO E LEGISLATIVO PARA AGILIZAR COMPRA DE VACINAS

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments