Blima Bracher

Morte por meningite em OP coloca saúde em alerta

Devido a um óbito por meningite  em Ouro Preto, a Secretaria Municipal de Saúde esclarece que todas as medidas  determinadas pelo Ministério da Saúde e Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais  para o caso  de meningite estão sendo tomadas.

Por meio de campanha, a Secretaria tem buscado intensificar a procura pela vacinação na sede e distritos. Além disso, todas as medidas preventivas e de bloqueio foram implementadas a partir dos protocolos vigentes.

Vacinação: 

A Vigilância em Saúde reforça a importância da vacinação contra a meningite, considerada a forma mais eficaz de prevenção contra a doença. 

Procure a Unidade Básica de Saúde mais próxima da sua casa, todas as UBS, tanto da sede como dos distritos, disponibilizam gratuitamente as doses do imunizante. Para vacinar, basta levar documento pessoal e o cartão de vacina. 

Público-alvo:

Pessoas de 16 a 30 anos que ainda não foram vacinadas;

Trabalhadores da Saúde;

Trabalhadores da Educação (ensino superior e técnico);

Estudantes Universitários (escolas técnicas, faculdades, institutos e universidades públicas ou privadas).

É importante lembrar que a vacina contra meningite está contemplada no Calendário Nacional de Vacinação e é recomendada aos 3 e 5 meses de vida, com reforço, preferencialmente, aos 12 meses de idade. Mantenha atualizada a carteira de vacinação das crianças!

Em caso do aparecimento dos sintomas de meningite (febre alta, rigidez na nuca, mal-estar, fraqueza e vômito), procure imediatamente  a sua UBS ou a UPA

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments