Blima Bracher

Ferrugem lota Praça Tiradentes nos 311 anos de Ouro Preto

Foto de Ane Souz

O Festival de Inverno da Ufop, que tem atrações em Ouro Preto, Mariana e João Monlevade segue bombando e atraindo ouro-pretanos e turistas de todo mundo. Os shows gratuitos empolgam a população, como as homenagens aos 50 anos do Clube da Esquina, que teve Lô Borges, Beto Guedes e Flávio Venturini. O cantor e compositor Paulinho Moska apresentou “Beleza e Medo ” , além de duas canções do Clube da Esquina : ” um movimentou que revolucionou toda a música brasileira”, disse. No palco, a performanve do artista emocionou o público. http://@paulinhomoska dedicou “Girassol” à esposa http://@larissabracher. Ontem, na comemoração dos 311 anos de Ouro Preto foi a vez de http://@ferrugem” .O show foi sucesso de público, lotando a Praça Tiradentes. Hoje, sábado, será a vez de Almir Sater e Elba Ramalho.Pensando em todos cidadãos de Ouro Preto, a Prefeitura, em parceria com a Ufop, também preparou outras atrações, como o festival de cinemas, seminários e muito mais, dentro da programação do Festival de Inverno. Para ficar por dentro da programação do Festival de Inverno de Mariana, Ouro Preto. Acesse https://festivaldeinverno.ufop.br/ e Confira as fotos de Ane Souz e Blima Bracher. http://@prefeituraouropreto, @http://@monteiro.margareth http://@angelooswaldo http://@reginabraga http://@zaqueuastoni.

Os shows no Bar doo Festival encerram as noites com ritmos variados, como Baianas Ozadas, Candonguêro e Forró de Bolso. O Beco das Artes na Travessa Arieira traz prrformances e exposições. Na Casa dos Contos artistas como http://@bracherfani, Emiliana Marquetti e Annamélia expoem seus trabalhos e na Casa de Gonzaga tem “Mantos Virgens” de Marcelo Brant.

Um festival de Inverno moderno, mas com a gradiosidade dos antigos festivais cuja fama fez de Ouro Preto uma cidade ligada às artes e cultura.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments