Blima Bracher

Corrida da Independência sai de Ouro Preto

Corrida da Independência sai de Ouro Preto

Celebrando mais um ano da Independência brasileira, a Grande Corrida da Independência realiza neste ano a sua 37ª edição, desta vez com início na cidade de Ouro Preto, como ocorreu em 1972. O prefeito Angelo Oswaldo esteve no local para acender a tradicional tocha olímpica e acompanhar a largada dos atletas.

A corrida foi criada em 1972 para homenagear os 150 anos da Independência do Brasil e, desde então, os atletas passaram por várias cidades do país com o mesmo objetivo. Atualmente, o evento é conhecido como a maior maratona de revezamento do mundo. Neste ano, a jornada tem como objetivo sair de Ouro Preto, percorrer diversos municípios até chegar à cidade de Campanha, Minas Gerais.

O fundador e coordenador da Corrida da Independência, Rubens Ramos de Oliveira, destacou o percurso que os atletas vão fazer até o destino final. “Nós vamos sair de Ouro Preto e vamos fazer o revezamento da tocha passando pelo trevo de Congonhas, São João Del Rei, Lavras e, ainda, pela Rodovia Fernão Dias até chegar à cidade de Campanha. “

O prefeito de Ouro Preto, Angelo Oswaldo, ressaltou a importância da corrida novamente na antiga Vila Rica justamente no ano do bi-centenário da Independência. “Foi uma delegação de Campanha que, em 1972, no sesquicentenário da Independência, veio também a Ouro Preto e fez a mesma caminhada. Assim, repetindo esse gesto, a cidade de Campanha comemora não só o bi-centenário da Independência do Brasil, mas também os 50 anos dessa primeira corrida e os laços históricos que unem Campanha a Ouro Preto”.

O secretário de Esportes, Wagner Melo, disse:  “Este é um evento muito tradicional que marca os 200 anos da Independência do Brasil. “

A estimativa é de que os 21 corredores cheguem à Campanha com a tocha olímpica neste sábado , dia 3, às 20h. Por Rodrigo Nassif Foto Ane Souz

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Em Ouro Preto
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments